Warning: Declaration of ES_Text_Diff_Renderer::_lines($lines, $prefix, $class) should be compatible with Text_Diff_Renderer::_lines($lines, $prefix = ' ') in /home/w3alpha/www/tecnologia/wp-content/plugins/exploit-scanner/exploit-scanner.php on line 834
Arquivos mega - W3alpha Tecnologia

mega

O desafio de Kim Dotcom

Kim Dotcom, criador do Mega, desafia os internautas a encontrarem vulnerabilidades no serviço de armazenamento em nuvem. Quem conseguir, receberá € 10 mil (cerca de R$ 27 mil) por falha encontrada.

No blog do Mega, são explicados todos os detalhes a respeito do desafio. Os primeiros que encontrarem as falhas podem mandar um email para bugs@mega.co.nz.

A medida é parte de um programa de aprimoramento na segurança do site, que estava sendo criticado por especialistas de segurança na internet.

Além disso, na última semana, outro post no blog do Mega, prometia que iria resolver problemas com a criptografia de senhas, evidenciado por publicações como a Ars Techinca e a revista Forbes.

Lançado em 19 de janeiro, o serviço conta com mais de 1 milhão de usuários registrados e 50 milhões de arquivos.

Mega já apresenta problemas de instabilidade

mega_logo

Apenas um dia após ser lançado oficialmente, o Mega, sucessor do Megaupload, já havia passado de 1 milhão de usuários, segundo disse o criador do serviço, Kim Dotcom. Mas essa demanda toda fez com que o site ficasse instável.
Em sua primeira hora online, o Mega recebeu 100 mil inscrições; antes de o sábado, 19, acabar, no entanto, já eram mais de 250 mil pessoas cadastradas, conforme dito pelo The Next Web.

No momento da apresentação, já havíamos noticiado que os servidores do produto não estavam aguentando, causando dificuldades para quem desejava se registrar. Pelo Twitter, Dotcom se mostrava empolgado: “Uau. Eu nunca vi nada assim. De 0 a 10 Gigabits de banda utilizada em apenas 10 minutos.” E desde então ele tem se explicado pela rede.

De acordo com o empresário, o site continua com problemas para carregar por causa da forte demanda, mas ele garantiu que estão trabalhando para corrigir o problema.

Fonte: Olhar Digital